DICAS PRÁTICAS

  • A hora ideal

O começo da manhã e o fim da tarde são os momentos mais indicados para a prática da corrida ao ar livre. Nessas horas, há pouco sol e a umidade do ar costuma estar mais alta — consequentemente, é menor a possibilidade de o corpo desidratar. Ao contrário do que muita gente pensa, é possível, sim, correr na chuva. A água não atrapalha a prática do esporte, o problema é o conforto dos atletas. Muita chuva deixa os tênis e mais pesados, e a visão fica comprometida — mas, se for uma garoa, pode ser até agradável.

  • Os tênis

Existem três tipos de pisada: a pronada, que usa a parte de dentro do pé; a neutra; e a supinada, que usa a parte de fora do pé como apoio. O ideal é comprar um tênis específico para o seu tipo de pisada, mas, para iniciantes, basta adquirir um neutro. Com tempo de prática, é possível corrigir a pisada com uma palmilha adequada.

  • As lesões mais frequentes

Não existe uma lesão que seja mais frequente do que outras, mas os atletas costumam ter problemas no joelho, canelite, fraturas por estresse e tendinite.

  • Alongar antes ou depois?

Não é consenso, mas os treinadores preferem deixar o alongamento para o final do exercício. Segundo Thiago, o corpo precisa apenas estar aquecido para começar a corrida, e esse aquecimento pode ser feito com uma caminhada leve, de 10 minutos, antes do treino propriamente dito. Depois da corrida, é importante esticar os músculos para evitar dores e lesões posteriores.

  • Música ou silêncio?

Depende muito do corredor. Algumas pessoas procuram motivação nas músicas, mas, em alguns momentos, é importante prestar atenção no ritmo da respiração, e o som pode atrapalhar. Em ocasiões em que o espaço vai ser dividido com carros e bicicletas, a trilha sonora pode atrapalhar a audição de barulhos importantes para evitar acidentes.

20140207124849458565e
(Imagem da internet)

APLICATIVOS BACANAS:

  • RunKeeper

O aplicativo usa o GPS do celular para monitorar a distância percorrida, o tempo e a velocidade do exercício. Ao fim da corrida, o RunKeeper mostra as estatísticas por quilômetro percorrido e ainda envia um e-mail parabenizando o usuário pelo exercício. É possível ainda tirar fotos e compartilhar o treino do dia com os amigos do Facebook.

  • Nike+ Running

Monitora o treino, com tempo, distância e velocidade. O aplicativo dá informações sobre o percurso enquanto o atleta corre e permite que o usuário separe suas músicas preferidas para motivar o exercício.

  • Endomondo

Computa tempo, distância e velocidade da corrida, além de fornecer informações meteorológicas. É possível competir com os amigos e contra o menor tempo de uma rota específica. O Endomondo tem feedback por áudio e funciona também para outras modalidades, como o spinning.

  • Zombies, Run!

Promete tirar qualquer nerd do sofá. Simulando um mundo pós-apocalíptico dominado por zumbis, o usuário escuta nos fones o barulho dos zumbis chegando e de uma guia de “missão”, que descreve o ambiente fictício. O esquema é correr para fugir do perigo.

  • Fitocracy

Funciona como um jogo. Cada atividade física soma pontos e o usuário vai subindo de nível e ganhando prêmios de acordo com o exercício.

É possível desafiar amigos e entrar em grupos, como em uma rede social.

  • RunOnBeat

O aplicativo organiza um treino de acordo com a batida das músicas que você escolher para correr.

Fonte: diariodepernambuco.com.br (editado)

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.