Na manhã de hoje (28), o Vereador da bancada de oposição Evilásio Mateus esteve em uma rádio local prestando esclarecimentos e oportunamente levantando temas que tem gerado polêmicas no município de Araripina, no sertão de Pernambuco, no que diz respeito a administração. Lembrou que a Casa Joaquim Pereira Lima estará entrando em recesso nos próximos dias, após completar as 10 sessões extraordinárias que devem ser realizadas, como as normas preveem.

O vereador Evilasio Mateus lembrou do começo como oposição na atual gestão, onde apenas 4 vereadores compunha a bancada que o mesmo faz parte, e foi lembrando os eventuais acontecimentos que foram afastando os vereadores da situação do atual prefeito de Araripina, e fortalecendo uma oposição. Sem papas na língua “A Praça do Cavalete, a Praça da Igreja Matriz tem o dinheiro disponível[…] e ficou esse recurso a disponibilidade do atual prefeito que não teve a capacidade de executar a obra e beneficiar a população!”, disparou Evilásio Mateus sobre a atual situação que o município vive de mais e mais promessas não cumpridas. Com ênfase, o vereador levou a público a opinião da comunidade quando disse que os mesmos estão insatisfeitos com a atual administração municipal.

Que a educação funcione, que a infraestrutura funcione… que o povo sinta o efeito de uma gestão boa! […] os agricultores com insegurança no pagamento do seguro safra, os estudantes com o ano letivo praticamente comprometido por falta de transporte escolar, o pessoal da casa de apoio tendo que fazer vaquinha para ajudar os mais necessitados que estão lá… uma casa mantida pelo nosso município”, desabafou o vereador Evilasio Mateus, pontuando as muitas situações de mal-estar que a atual administração vem gerando diante do não cumprimento dos seus deveres e obrigações com a população.

Ouça a fala do vereador abaixo:

https://www.youtube.com/watch?v=NyvfS63Jibg&feature=youtu.be

 

Publicado por Dyangellys Batista

Bibliotecário, Gamer, Geek e Baixinho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.