Técnico do Araripina, Williams Rodrigues, está preocupado com o desempenho dos homens do apito nas partidas decisivas do Pernambucano A2. O ditado “gato escaldado tem medo de água fria” se enquadra perfeitamente com esse estado de alerta do técnico do Bode.

Contra o Belo Jardim, pela segunda fase da competição, a arbitragem foi motivo de muita reclamação do técnico do Araripina. Durante o jogo, que terminou com o placar de 2 a 2, o Bode teve três jogadores expulsos.

A Federação Pernambucana de Futebol ainda não definiu a data e os árbitros dos jogos da semifinal do Campeonato Pernambucano A2. Caso a punição ao Belo Jardim que perdeu 12 pontos no TJD-PE seja mantida, o Bode tentará o acesso à série A contra a equipe do Vitória – PE.

– Nós sabemos que a arbitragem tem que ser imparcial nesse momento. Ele (o juiz) é muito importante nesses dois jogos. Um erro pode acabar com todo trabalho que vem sendo feito. Os árbitros, assim como os times, têm que estar focados – destaca Williams.

Fonte: Globoesportes.com.br

Publicado por Dyangellys Batista

Bibliotecário, Gamer, Geek e Baixinho!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.