O técnico do Araripina, Givanildo Sales, alerta o time após a vitória de 2 a 1 sobre o Vera Cruz, que garantiu ao Bode o direito do empate, no jogo de volta, para avançar à semifinal do Campeonato Pernambucano sub-23. Segundo o treinador, é um perigo a sua equipe entrar em campo pensando no regulamento.

– Essa vantagem dentro do jogo só começa a ser vantagem no decorrer do final da partida. Quem entra no jogo com o pensamento de empatar o risco é grande. A gente não pode trabalhar e pensar só nessa vantagem, temos que trabalhar para vencer o jogo. Com todo respeito ao Vera Cruz, mas nós vamos em busca de vencer lá dentro – afirma Givanildo.

araripina_e_ferroviario

Mesmo elogiando o adversário, o treinador lamenta o fato do Bode não ter conseguido ampliar a vantagem.

– Enfrentamos uma boa equipe, um time que apesar de jovem é bem armada pelo meu amigo Luis Carlos. É um time de velocidade e bons jogadores. No início fizemos um bom primeiro tempo e depois demos uma oscilada. Na volta viemos melhor e poderíamos até ter feito o terceiro gol – diz o treinador.

A partida de volta entre as duas equipes será no próximo domingo, com o mando de campo do Vera Cruz. O placar de 1 a 0 classifica o Galo. Caso se repita o placar de 2 a 1, a favor do Vera Cruz, a classificação será decida nos pênaltis. Se o Araripina marcar dois gols, o Galo terá que vencer por dois ou mais de diferença para chegar à semifinal.

Fonte: Globoesporte.globo.com

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: