Protesto do SIMA por melhores condições

Hoje por volta das 10 da manhã, os Servidores do Municipio de Araripina, reuniram-se em frente a Prefeitura Municipal para reivindicar melhores salários para todas as categorias.

Disponibilizados com um carro de som, o Presidente do SIMA, Thiago iniciou as falas comentando que já haviam desde o dia 25 de fevereiro entrado em contato com a PMA através de ofício o qual ele mostrou que estava assinado por quem recebeu uma cópia e que até ontem 19 de março a Prefeitura não havia feito nenhum contato.

Ele também falou que hoje pela manhã o chefe de gabinete Giordany Andrade ligou solicitando uma comissão do SIMA para tratar do assunto e que não fosse feito o movimento às portas da Prefeitura. Esse pedido foi então repassado para os demais servidores através do presidente e rapidamente foi rejeitado qualquer hipótese de cancelamento do protesto.

Abaixo listaremos os pontos cruciais para que houvesse o manifesto:

Pauta de reivindicação:

1 – REAJUSTE JÁ (Pedido de resposta ao prefeito Alexandre Arraes com sua contra proposta de reajuste, já que desde 25/02/2013 a Prefeitura recebeu – via gabinete – oficio com a proposta dos servidores e até então não houve resposta).


2 – Data fixa de pagamento e previamente informada.


3 – Ação concreta na construção do Estatuto do Servidor do município de Araripina.


4 – Estruturação de locais de trabalho como ESF e Escolas.


5 – Construção do PCC da Saúde.


6 – Início de debate sobre PCC de todas as categorias.


7 – Pagamento de salários atrasados de temporários.


8 -Pagamento imediato de incentivo dos Agentes Comunitários de Saúde.


9 – Pagamento imediato de diárias atrasadas de motoristas de ambulancias.

10 – Atendimento de reivindicação dos Agentes de endemias.

11 – Compra de equipamentos e fardamentos para servidores.

12 – Pelo fim do desvio de função dos enfermeiros.

13 – Por TRANSPARÊNCIA no método de contratação de temporários.

14 – Retorno de gratificação para psicólogo, assistente social e dentista.

15 – Atendimento a reivindicações entregue aos Secretários.

16 – Por um calendário de reunião/negociação com representação dos servidores.

Thiago também informou que qualquer perseguição que ocorra a qualquer funcionário que o Sindicato seja comunicado rapidamente para tomar as providências legais cabíveis, como já havia acontecido.

O pessoal que trabalha na área de serviços gerais informou no ato em frente a prefeitura  que já estão com 50 dias de atraso no pagamento.

Os agentes de saúde comunicaram que está próxima a campanha de vacinação e que ainda não receberam os atrasados do ano passado.

Quando foi cedido a palavra aos demais servidores Wildenir mais conhecida como Deni, pegou o microfone e colocou vários pontos pelo qual foi solicitado o aumento de 25% para os servidores. Ao final de suas palavras ela fez um questionamento para a Secretária de Educação e para a professora Isabel que foi para não perguntarem o porque do pedido do aumento em 25% por cento e sim mostrar o porque não pode ser dado o reajuste salarial e ainda questionou o prefeito Alexandre Arraes ao falar que sempre em suas entrevistas a palavra que mais utiliza é PLANEJAMENTO e que até agora não viu nada disso na sua administração, nem quando ainda era interino e principalmente agora nos quase 3 meses de mandato como prefeito eleito.

Thiago e Romério ainda falaram que existe uma Demência Administrativa em tudo que se vê nas gestões passadas e atual, pois o servidor tem que se deslocar do seu local de trabalho até a prefeitura para “bater o ponto” e que isso não seria necessário eu que tinha nojo de alguns políticos.

Quando foi dada a oportunidade do Chefe de Gabinete Giordany Andrade se pronunciar em nome do prefeito Alexandre Arraes, o mesmo falou que os servidores lembrassem que o Plano de Cargos e Carreiras dos professores foi implantado na administração Alexandre Arraes enquanto era interino. Citou também as palavras do Professor Thiago ao falar de demência e nojo e que ele estava equivocado ao falar do cidadãos que não são naturais da terra e que ” aqui infiaram o umbigo”. Com essas palavras Giordany quis defender todos os moradores de Araripina que não são naturais da terra e que aqui prosperaram, citando o caso do professor Thiago que é natural de Baralha-CE, pois se até o prefeito Alexandre Arraes não nasceu aqui, o mesmo é natural do Crato-CE.

Por fim Thiago agradeceu a presença de todos os servidores que ali compareceram e que qualquer dúvida ou esclarecimento procurassem o mesmo ou Romério. Ao final do ato de protesto, foi solicitado que o Chefe de Gabinete assinasse um documento no qual mostraremos abaixo em foto.

Visão do Araripe
Documento

Publicado por Cidade de Araripina Pernambuco

Sobre

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: