A partir de segunda-feira (12), e no decorrer da semana (até a sexta-feira, dia 16), seis fiscais irão estar vistoriando mais de 200 empresas localizadas na região do Sertão de Pernambuco. A Fiscalização Dirigida tem caráter preventivo e prever uma grande ação do Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco (Crea-PE). O ato contará com a participação do presidente Evandro Alencar, natural de Araripina, e o gerente e a chefe de Fiscalização, Romildo Cavalcanti e Daniele de Castro, respectivamente.

O objetivo da ação é vistoriar registros de empresas mineradoras e de seus profissionais, assim como os registros das Anotações de Responsabilidade Técnica (ART), referente as atividades desenvolvidas por estas empresas. No dia 12, segunda-feira, será discutida um plano estratégico de como será desenvolvida a ação nos dias subsequentes até a sexta-feira (16).

CREA-PE-presidente
Evandro Alencar, Presidente do Crea-PE

 

Na mesma ação também serão vistoriadas as atividades de Geologia e Minas, postos de abastecimento, órgãos governamentais, prefeituras dos municípios jurisdicionados pela Inspetoria de Araripina, onde o foco será a fiscalização do pagamento do Salário Mínimo Profissional de acordo com o que estabelece a Lei nº 4.950-A, empresas de telecomunicações e cartórios, onde serão verificados os documentos relativos à regularização de loteamentos.

De acordo com o presidente do Conselho, engenheiro civil Evandro Alencar, que iniciou seu mandato no dia 1º deste mês, a mobilização deverá alcançar cerca de 220 empreendimentos além das obras de construção civil. “queremos abranger todos os segmentos e assim garantir que à sociedade tenha a prestação de serviços técnicos exercida por profissionais habilitados e como consequência, a segurança da prestação de serviços de qualidade garantida”, explicou Alencar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.