Quinta-feira (07) histórica na cidade de Araripina, sertão de Pernambuco, quando mais de dez viaturas da Polícia Federal deram início a uma ação na cidade demarcando diversos pontos estratégicos, tais como casa de membros do alto escalão hierárquico, políticos e as diversas secretarias da cidade fechando um cerco!

A porta da Prefeitura de Araripina, carros e policiais armados se postam em milícia e com mandados de busca de diversos nomes na cidade. Segundo populares, após o rompimento político entre Bringel e o atual Prefeito de Araripina, Alexandre Arraes, o mesmo teria realizado tal denúncia contra o segundo em virtude da má situação que passou a existir após o rompimento dos mesmos; outros comentam que a referida denúncia teria partido do ex-Deputado Estadual, Raimundo Pimentel, que tem como pretensão lançar sua esposa como Candidata à Prefeitura de Araripina nas eleições vindouras.

O real motivo e as consequências da passagem e estadia da Polícia Federal pela cidade ainda não são claros, mas o que se tem conhecimento até o momento é que um Engenheiro da Secretaria de Infraestrutura foi levado para prestar esclarecimentos junto a PF logo nas primeiras horas da manhã de hoje.

Será que a história se repete e o Vice-Prefeito, Dr. Valmir Filho assumirá a prefeitura, como aconteceu durante a gestão do ex-Prefeito Lula Sampaio, quando o mesmo foi denunciado por improbidade administrativa e na oportunidade o então Vice-prefeito, Alexandre Arraes, assumiu o cargo?

ATUALIZAÇÃO 10:15 am 07/05/2015

O colega do Blog Araripe Informado conseguiu nota oficial da Polícia Federal na qual informa:

“Polícia Federal e Controladoria Geral da União deflagram a Operação Paradise para combater desvios de recursos públicos em Araripina/PE”
A Polícia Federal em Pernambuco, por intermédio da Delegacia de Salgueiro e a Controladoria Geral da União, Regional de Pernambuco, deflagraram na manhã de hoje, dia 07/05, a operação Paradise. Estão sendo cumpridos 23 (vinte e três) mandados de busca e apreensão, 12 (doze) mandados de prisão temporária. O objetivo da ação é debelar uma associação criminosa, que se instalou na prefeitura de Araripina/PE. As investigações revelaram desvios de recursos públicos, que deveriam ter sido utilizados na construção de escolas, creches e quadras poliesportivas naquele município com verbas oriundas do Ministério da Educação. Leia mais…

ATUALIZAÇÃO em 10:49 am 07/05/2015

A Controladoria-Geral da União (CGU) e Polícia Federal deflagram, na manhã desta quinta-feira (7), a Operação Paradise. O objetivo é desarticular associação criminosa na prefeitura de Araripina, em Pernambuco, que se instalou com a posse do prefeito Alexandre Arraes. A quadrilha desviava recursos públicos que deveriam ser utilizados na construção de escolas, creches e quadras poliesportivas no município. Leia mais…

 

Nota: Até a conclusão desse artigo essa era toda informação acerca da situação conhecida.

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: