Pesquisa do Instituto Maurício de Nassau aponta Bode do Araripe com quarta maior torcida de times pernambucanos

Pesquisa realizada pelo Instituto Maurício de Nassau, ano passado, aponta a torcida do Bode do Araripe como a quarta maior torcida de times pernambucanos, superando até o Central de Caruaru. Conforme a pesquisa, 0,6 dos torcedores pernambucanos são apaixonados pelo Araripina Futebol Clube, o que em média dá 270 mil torcedores bodeiros.

O fato é extraordinário tendo em vista o Bode do Araripe ser um time novo e pela primeira vez competindo na primeira divisão do Pernambucano. Porém, segundo o instituto, essa paixão pelo Bode do Araripe pode ser sazonal caso o time caia para a Segunda Divisão e não retorne mais à Primeira ou mesmo seja extinto por interesses outros.

Conforme o instituto, o Araripina Futebol Clube é um grande produto de mercado com um nicho de exploração desconhecido pelos empresários que não investem no mesmo. Somente com recursos da Prefeitura de Araripina, o time pena para manter sua base e poder participar das competições oficiais e precisaria da ajuda de comerciantes e empresários para formar um grande time e sonhar mais alto no Pernambucano, assim como fez o Salgueiro Atlético Clube. O retorno do investimento é garantido no direito de arena na venda de jogadores revelados no próprio clube e vindos de cidades vizinhas do Araripe.

Outro fator negativo para a ascensão do Bode do Araripe é o acanhado Chapadão do Araripe, que não comporta mais do que 6 mil pessoas, apesar de ter bastante espaço para ser ampliado. O Chapadão do Araripe tem espaço e terreno de sobra para lances de arquibancada até 20 mil pessoas, principalmente ao lado das cabinas de rádio e por trás do gol que fica para a AEDA.

Sandro Moraes
1.584-DRT\PE

Participe da discussão

3 comentários

  1. Concordo plenamente com o Sandro. O futebol, além de ser um agente poderoso como veículo de divulgação é sem sombras de dúvidas, a paixão maior do desportista Araripinense.
    Acredito no comércio, na industria e nos demais segmentos ecônomicos de Araripina. Não tenho dúvidas que eles darão o apoio e a assistência ao clube, como também a Prefeitura Municipal não se negará a executar a ampliação do Chapadão

    Humberto Bandeira

  2. não existe necessidade de ampliar o chapadão, essa sugestão é insana.

    acho que uma pessoa que escreve deveria ter mais responsabilidade antes de ficar sugerindo coisas absurdas como essa.. existem n prioridades em Araripina e certamente a ampliacao do estado n é uma delas, visto que o chapadao so lotou em três jogos esse ano, com capacidade de 6 mil. imaginem com 20..

  3. Acho que deveria sim ser aumentado o estadio,suponhamos que o bode esteja numa situação como a do Carcará,os torcedores com o menor poder aquisitivo ficaria como?pea ir pra Recife ,por não temos um estadio a altura?Sabemos que Araripina tem coisas mais urgentes porem isto compete a administração municipal,como fazer esta distribuição,com certeza se fosse uma adm bem feita daria pra fazer as coisas urgentes,e fazer o estadio…

    Paulo.

Deixe um comentário

Deixe uma resposta para Paulo Cancelar resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.