Qual o estudante que não gostaria de alcançar a nota máxima na redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), que será nos dias 8 e 9 de novembro deste ano? Para chegar a esse objetivo, entretanto, os candidatos precisam de mais do que conhecimento da língua portuguesa, eles têm que estar conectados a temas atuais e cientes de como é realizada a correção da prova. Tudo isso pode ajudá-los a elaborar um texto objetivo e crítico, nos moldes do que é exigido pela avaliação.

enem-2014-932x642
O Exame Nacional do Ensino Médio acontece nos dias 08 e 09 de Novembro de 2014

Pensada para fazer os participantes refletirem sobre um tema de ordem política, social ou cultural, a redação do Enem pretende investigar o conhecimento do estudante sobre determinada situação-problema, além de saber se ele consegue apontar soluções para ela. Para tanto, analisa se o candidato atende a cinco competências: domínio da norma padrão da língua escrita; compreensão da proposta de redação e aplicação de conceitos das várias áreas do conhecimento para desenvolver o tema dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo; capacidade de selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista; poder de demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação e habilidade para elaborar uma proposta de intervenção para o problema abordado, respeitando os direitos humanos.

“É importante que os participantes acompanhem os temas que vêm sendo discutidos no Brasil e no mundo e evitem o senso comum, que mostra desconhecimento científico. Usar argumentos que relacionem disciplinas distintas, por sua vez, é muito valorizado entre os corretores do exame”, lembrou Ana Cristina Verdasca, professora de redação do Colégio Santa Maria. Ainda segundo a docente, na hora da prova o fera não pode desconsiderar aspectos de ordem mais prática, como a leitura atenta do tema da dissertação e a delimitação do tempo que terá para produzir o texto. “O estudante precisa lembrar que tem cerca de uma hora para fazer a redação e que caso exceda esse tempo, acabará se prejudicando no resto da avaliação. Além disso, não deve esquecer de ler com cuidado o recorte temático, nem de deixar clara a proposta de intervenção na situação-problema.”

Fonte: JcOnline.com.br

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: