Datena e Gilberto Barros têm discussão “acalorada” em churrascaria de São Paulo

Dois famosos apresentadores da televisão brasileira teriam se agredido nesta sexta-feira durante um almoço na churrascaria “Novilho de Prata”, em Alphaville, Barueri. Em entrevista ao portal “Estadao”, Gilberto Barros afirmou que se dirigiu à mesa de José Luiz Datena para cumprimentá-lo e, de repente, o colega se levantou e começou a xingá-lo em voz alta.

Ao portal “Estadao” Gilberto Barros afirmou que Datena começou a lhe xingar e empurrar. “Ele gritava coisas horríveis, palavrões, e eu fiquei atordoado”. Ele continua, dizendo: “Datena me empurrou e eu caí no chão. Não contente, o filho dele me deu chute, enquanto o Datena ameaçava jogar uma cadeira em cima de mim. Foi quando um senhor de uma mesa ao lado veio me ajudar”. Barros ainda diz que tem testemunhas de que ele não fez nada.
 
O advogado de Datena, Eduardo Leite, disse ao Último Segundo que Gilberto Barros teria se aproximado da mesa de seu cliente para comentar sua participação em um programa da Rede Record, no qual teria avaliado Datena e lhe dado a nota cinco.

Datena contou ao seu advogado que acabou respondendo de forma mais acalorada os cumprimentos de Barros, cuja queda é explicada de forma simples: ele teria, nas palavras do advogado, “avançado” em direção a Datena e, de repente, escorregou e caiu.

O advogado de Datena disse não saber a intenção de Gilberto Barros ao se aproximar dele. Eduardo Leite afirmou também que essa é a única versão para os fatos. “Não teve agressão física, nada aconteceu”, afirma.

A churrascaria não quis se pronunciar sobre o caso, dizendo que “não tem nada a comentar”. Barros disse ao portal “Estadao” que ainda não sabe se vai fazer boletim de ocorrência ou processar Datena, cujo advogado afirma que seu cliente não tem pretensões de processar Gilberto Barros, mas, se preciso, vai tomar as “atitudes necessárias.”

Gilberto Barros pode ir para a Record

A participação de Gilberto “Leão” Barros no Hoje em dia da última quarta-feira era como uma prova de fogo. Serviria para a direção da casa avaliar a reação do público para com o apresentador, que está na geladeira há mais de um ano, se desconsiderarmos A grance chance, aquele game show que ele apresentou na Band. De Gilberto, aquilo ali não tinha nada (era legalzinho o programa).

Pois bem, no Hoje em dia, Leão atribuiu notas a dez celebridades. A nota zero (ou “menos dez”) foi para Marcia Goldschimidt.

O quadro foi uma confusão total, interrompido por merchans e outros quadros, sem contar que várias praças tiveram que assistí-lo pela metade, já que o finalzinho foi reservado apenas para os telespectadores de São Paulo.

Enfim, o importante é que, em sua prova de fogo, Gilberto Barros passou com louvor. Foi responsável por uma das maiores audiências do Hoje em dia: 8 pontos de média, empatando com a Globo na liderança.

Ao chegar no estúdio, o gordinho chorou. Porque durante certo tempo, Gilberto foi apresentador da casa, tendo substituído o Ratinho no programa que passou a se chamar Leão Livre, e depois no Quarta Total. Ao voltar a pisar em solo universal, chorou feito criança, dizendo que se lembrava até do porteiro, da lanchonete… Esse cara tem mais amigos que o Amaury Jr.! “Meu amigoooo!” Todo mundo é amigo dele.

A direção da Record aprovou a participação de Leão, constatando que ele ainda tem apego com o público. Sim, e não é surpresa, já que na Band ele costumava dar boa audiência. E na Record, não deve ser diferente. Há chances de ele assinar contrato com a emissora ainda essa semana.