Campanha de vacinação contra a poliomielite começa sábado (15)

Amanhã (15), tem início em todo o país a Campanha Nacional de Vacinação contra a Poliomielite. A campanha começa amanhã e vai até o dia 31 do corrente mês. Em Araripina, no sertão de Pernambuco, todas as Estratégias de Saúde estarão funcionando prontamente como centro de vacinação. O Centro de Saúde também estará com suas portas abertas para vacinar as crianças. A Secretaria Municipal de Saúde também disponibilizará equipes para atender em áreas mais abastadas. A caderneta de vacinação é de suma importância no ato da vacinação! O ato acontece das 8h às 17h. A recomendação do Ministério da Saúde é para que sejam vacinados 95% do público-alvo.

A paralisia infantil, como a poliomielite também é conhecida, é uma doença infectocontagiosa causada pelo polivírus, que afeta nervos e pode causar fraqueza muscular permanente e paralisia irreversível. Devem ser vacinadas crianças entre 6 meses e 5 anos de idade.

A poliomielite é considerada erradicada no Brasil desde 1994, mas a vacinação é fundamental para manter o vírus afastado do País. Em 2013 e 2014, a Organização Mundial da Saúde (OMS) foi notificada sobre a presença do vírus em dez países nos continentes africano e asiático.

Além da imunização contra a pólio, serão ofertadas as vacinas que compõem o calendário básico da criança, como as doses contra febre amarela, hepatite B, o rotavírus humano e também a vacina tríplice viral, que protege contra sarampo, rubéola e caxumba. O objetivo é atualizar a caderneta de vacinas das crianças até 5 anos.

 

Projeto Social ‘Adote um Karateca’ começa em Araripina

O Dojô Karate Goju Ryu de Araripina, no sertão de Pernambuco, está desenvolvendo um incrível projeto social na cidade, além de divulgar a arte nipônica pratica em diversas modalidades. Projeto desenvolvido pelo Sensei Djalma Pereira, o Adote um Karateca, visa que um empresário ou empresa, adote uma criança, apadrinhando-a com os equipamentos necessários para a realização dos treinos, além da mensalidade no valor de R$ 30 reais para custear despesas como local, equipamentos de treino entre outros.

Muito recentemente, o Sensei vinha ministrando aulões em praças da cidade nos últimos dias e apresentando ainda mais essa arte milenar aos curiosos. Com o projeto, a principal preocupação é levar os ensinamentos da arte e claro, o caráter e filosofia que a mesma impõem aos seus praticantes; ensinando que é uma arte de defesa pessoal, e não uma maneira de esta incitando agressões físicas.

As aulas ainda não tem data para início, mas logo que as primeiras doações chegarem e uma turma se forma, o Sensei deve iniciar as atividades com os Karatecas do projeto social. As empresas que adotarem, terão suas marcas anexadas ao quimono do aluno. A Softagon Inovação, de antemão, já se solidarizou da campanha e pretende está apadrinhando um carateca.

Os interessados devem contatar o Sensei Djalma através dos telefones (87) 9 9669 2987 / 9 9145 3155.

Participe!

Maio Amarelo – um movimento pela civilidade no trânsito

Um mês de reflexão sobre as consequências de um trânsito que mata 45 mil pessoas por ano, fere outras 178 mil e ainda custa R$ 16 bilhões à sociedade. O Maio Amarelo, que será lançado sexta-feira pelo segundo ano consecutivo no Brasil, chega para provocar reflexões. Não tem dono, partido ou bandeira política. Surge com o objetivo de mudar hábitos para diminuir o número de mortes e feridos no trânsito, fazendo as pessoas entenderem que a responsabilidade de um trânsito seguro é de todos.

O Maio Amarelo é um movimento brasileiro. Surgiu como reação à matança viária vivenciada pelo País, especialmente na última década, e à inércia da sociedade e do poder público diante do problema. O Brasil é o quarto País que mais mata no trânsito e, segundo previsão da Organização Mundial da Saúde (OMS), as mortes só aumentarão se ações eficazes não acontecerem urgentemente. Os acidentes passarão da 9ª para a 7ª maior causa global de óbitos em 2030. As mortes de motoristas, pedestres e ciclistas irão superar doenças como diabete e hipertensão, por exemplo.

“É mais do que chegada a hora de cuidarmos da segurança viária. O Maio Amarelo se propõe a atuar de duas formas: primeiro, fazendo com que as pessoas entendam o problema e cobrem soluções não só do poder público, mas de toda a sociedade. Depois, que todos façam sua parte, mudando hábitos, não importa se como motorista, passageiro, ciclista ou pedestre”, explica Paulo Guimarães, diretor técnico do Observatório Nacional de Segurança Viária, organização que analisa problemas do trânsito e que gera conteúdo para o Maio Amarelo.

Fonte: jconline.com.br

Campanha é realizada para ajudar Viúva do Pastor Joseano Laurentino

Está sendo realizada uma campanha para ajudar a viúva do Pastor Joseano Laurentino Leão, falecido em um acidente na BR 316, em Araripina, Pernambuco. A motocicleta que era pilotada pelo mesmo, foi atingida por um veiculo, que segundo informações realizava uma ultrapassagem  perigosa. Em virtude disso, está sendo realizada uma campanha para auxiliar a mesma que encontra-se desamparada.

No acidente, a viúva quebrou os dois braços, as duas penas e a bacia, a mesma está internada no Hospital Regional de Ouricuri, também no Sertão de Pernambuco, e não corre riscos de vida, seu filho teve a perna quebrada com fratura expostas.

Nas redes sociais, onde a campanha vem sendo vinculada, a viúva Cibelly Marcelino expressou que não é do seu interesse ter sua imagem associada a arrecadação de dinheiro e pediu para não depositarem nenhuma doação pedida em seu nome, já que a mesma não autorizo nenhum pedido de doação.

 

mulherpastor

 

No Sertão do Araripe, imprensa desenvolve campanha contra a violência

Acontece hoje (06) na cidade de Trindade, Sertão de Pernambuco, Assembleia coletiva entre blogueiros, imprensa e demais meios de comunicação da região do Araripe para debater e formular ações e projetos viabilizadores na tentativa de amenizar o índice de violência que vem assolando a região nos últimos meses. A Assembleia tem horário previsto de início às 10 da manhã, no auditório da Secretaria de Educação daquela cidade.

Na oportunidade, a ACON – Associação dos Comunicadores Online do Nordeste, iniciará suas atividades tomando corpo com diretoria e afins. Formulado esse primeiro momento, a pretensão da Associação é dá início a uma campanha contra a violência que vem acontecendo as claras em todas as cidades que compõem a região do Sertão do Araripe, além da falta de segurança que a população vem enfrentando. Segundo um dos percursores da ideia, a intenção é que sirva de alerta as autoridades competentes que nada tem feito para tentar amenizar a situação que só cresce e se torna cada dia mais delicada; e faz a população viver com medo e a mercê de bandidos.

Desta maneira, a ACON surge como visionária no sentido de que pretende desenvolver ações para combater o alto índice de violência gerida e gratuita que vem assolando Araripina e cidades circunvizinhas. Dessa maneira, a mídia impressa e online poderá favorecer e auxiliar na luta contra a violência e ajudar as autoridades responsáveis no que diz respeito a erradicar essa situação assombrosa que se estabeleceu na região.

O Araripina.com.br é a favor e apoia a ACON!