Luciano Capitão esclarece a rígida posição contra a desordem no plenário.

O Presidente da Câmara Municipal de Araripina, Luciano Capitão, vem diante da população esclarecer que a Câmara Municipal de Araripina, não pode fazer juízo antecipado sem antes ter um PARECER da comissão de Justiça e Redação, sobre qualquer assunto legislativo, que obrigatoriamente tem que  obedecer ao regimento interno desta Casa Legislativa.

A Comissão ainda aguarda a documentação solicitada da Prefeitura Municipal e o PARECER da Procuradoria Municipal e do Ministério Público para analisar e deliberar para CRIAÇÃO DE CARGOS, e assim obter autorização para realizar o Concurso Público Municipal, algo que não poderia ocorrer na reunião do dia 31/03.

 Pelo não entendimento de algumas pessoas que tentaram bloquear a fala do vereador, através de gritos, vaias e outras formas de desrespeito às autoridades ali presentes, o Presidente necessitou ser forte e rígido (exercendo a sua função na câmara), em respeito a grande maioria das pessoas que estavam no plenário, para ouvir os entendimentos jurídicos do trâmite legal, e para um debate democrático.

Por fim, o Presidente Luciano Capitão, aguarda o relatório da comissão, para então colocar em pauta  a CRIAÇÃO DE CARGOS na sessão em plenário.

Luciano Capitão
Presidente da Câmara Municipal de Araripina

Vereadores não comparecem a sessão na Câmara Municipal de Araripina

Na noite de ontem (20), fato inusitado foi registrado na Casa Joaquim Pereira Lima: por ausência de seus Vereadores, a sessão que deveria acontecer pontualmente as 19:00 horas, como vem acontecendo todas as quartas-feiras, não aconteceu! Os populares, imprensa e demais pessoas que se fizeram presente na Câmara Municipal de Araripina aguardaram a chegada dos referidos Vereadores e os mesmo não apareceram.

Os motivos da ausência dos legisladores é desconhecida. Sabe-se que para a realização de uma Sessão Extraordinária, e necessária a presença de 51% dos membros daquela Casa, composto por 15 vereadores; onde, ontem porém, contava com a presença de um número inferior a oito. Dentre os presentes, três vereadores da Oposição – Camila Modesto (que presidiu a Mesa Diretora), Aurismar Pinho e Evilásio Mateus pontuaram na sessão, margeados por outros três Vereadores da Situação: Doval, Divona e Deval Regis além também, da presença do Vereador Tião do Gesso.

Em meio tempo, o Vereador Francisco Edivaldo apareceu e trocou poucas palavras com os outros parlamentares e não tornou a ser visto; o vereador João Dias, foi visto deixando a Câmara em um veículo de vidros fechados; o também vereador Tico de Roberto, deixou o local sem se pronunciar. Os três vereadores acima citados são membros da Situação na base de aliança da atual Gestão da Prefeitura de Araripina, Sertão de Pernambuco.

Próxima quarta-feira, dia 27, os Vereadores voltam a se reunir na Casa Joaquim Pereira Lima.

Fotos: Rafael Diniz