Cordel BULLYNG – UMA TORTURA SOCIAL

Algumas estrofes do Cordel sobre o BULLYNG de autoria dos poetas Cordelistas CACÁ LOPES e NANDO POETA, que será lançado em breve pela Editora Luzeiro de São Paulo.

Através desse Cordel
Chamamos sua atenção.
Para debater o tema
Mais forte que um vulcão.
O famigerado Bullyng
E a sua devastação.

O inglês, a língua usada
Para poder descrever.
O ato de violência
Que não para de crescer.
Tortura psicológica
E física que faz doer.

Existe o Bullying direto
E o indireto é conhecido
Como agressão social
Dessa forma é dividido.
Por homens e por mulheres
Esse jogo é bem nutrido.

O Bullyng é praticado
Por meio da violência.
Intencional repetida
Usando de truculência,
Em grupo ou mesmo sozinho
Sem pensar na consequência.

Aquilo que é diferente
Dos padrões é reprimido,
É sujeito à exclusão
Por um ato dolorido.
É, quem foge do trivial
Covardemente agredido.

Seja sozinho ou em grupo
Vem sempre pra intimidar.
Expor alguém ao ridículo
Escarnecer, humilhar. .
Na frente de toda turma
Sem piedade,zombar.

O Bullyng tem atingido
Os jovens diretamente,
Acontece nas escolas
Do país diariamente,
Deixando muitas sequelas
Na vida de muita gente.