Os pagamentos dos professores e dos contratos de limpeza, assim como os alugueis de imóveis utilizados pela gestão ainda encontram-se em atraso na gestão municipal de Araripina.

Um prédio que funcionava a Secretaria de Educação, até o ano de 2014, encontra-se com aluguel em aberto, somando 08 meses de inadimplência (referente a 2014, onde foi pago apenas 04 meses) por parte do gestor municipal.

Os contratos eram sempre de um ano, e desde a época da gestão anterior, a casa estava sendo alugada. Quando o atual gestor assumiu, permaneceu com o contrato.

A proprietária do prédio, Rita Maria Andrade, conta que o valor do aluguel era de R$ 2.500,00,  fora os custos que teve com as despesas do prédio, pois a casa, localizada na Avenida Antônio de Barros Muniz, foi entregue sem nenhuma reforma e totalmente depredada, já que a mudança da Secretaria aconteceu em setembro de 2014, porém a chave só foi entregue em janeiro de 2015.

A proprietária do referido prédio conta que na Secretaria de Educação, sempre diziam a mesma coisa: “não havia saído a verba, que iriam falar com a secretária, que iriam falar com o prefeito, que no dia tal iam pagar, as mesmas desculpas que dão hoje para os atrasos”. A assessoria do prefeito sempre dizia que ia falar com ele, no entanto, sem resultados.

Os donos do prédio procuraram vereadores da situação, da oposição, irmão do gestor, nas diversas tentativas de resolução do débito, mas todas sem sucesso. E dizem também que recebiam ligações de outras pessoas que também estavam com dificuldades para receber pagamento de aluguel.

Após tentar por inúmeras vezes, resolver o impasse quanto ao aluguel em atraso, a única saída foi acionar o Judiciário. Hoje o processo encontra-se junto a Procuradoria Municipal.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.