Não perturbe

O juiz da primeira vara de Araripina, Dr. João Ricardo da Silva Neto teve seu descanso interrompido na noite de ontem. Por volta das 20hs três pessoas foram até a residência do juiz para conversar sobre o bloqueio das contas do município. Na tarde de ontem o juiz acatou um pedido do Ministério Público que solicitou o bloqueio imediato das contas do município.

De acordo com consulta ao site do Tesouro Nacional o repasse referente ao Fundo de Participação dos Municípios (FPM) no mês de julho o valor transferido para a Prefeitura de Araripina é de R$ 652.790,57.

Devido a esta visita inesperada o juiz solicitou apoio de uma guarnição do GATI para fazer sua escolta pessoal durante o dia. O conteúdo da conversa entre as três pessoas e o juiz não foi revelado.

Apoio de Presidente – O presidente da Câmara de Vereadores, José Reginaldo (PSDB) que não concorre à reeleição anunciou seu apoio à Tico de Roberto (PRB). Com o apoio presidencial e a desistência da candidatura Rennan Batista (PRB), Tico de Roberto fortalece seu nome para ser o primeiro da chapa do PRB e ocupar uma vaga na Casa Legislativa em 2013.

Jovens unidos – Com a desistência de Rennan Batista (PRB) existe a possibilidade de uma parceria entre Rennan e Bringel Filho (PSDB). Ambos iriam disputar a mesma faixa eleitoral de jovens entre 16 e 24. Uma união entre os dois jovens pode beneficiar Bringel Filho a romper a casa dos 3 mil votos.   

Nota de esclarecimento – O ex-diretor presidente da Autarquia de Trânsito e Transporte de Araripina (ATTA), Sebastião Arrais de Araújo enviou nota de esclarecimento a este colunista. Em anexo a integra da nota. NOTA DE ESCLARECIMENTO

Expectativa – Segunda-feira (23/07) o Tribunal de Justiça retoma a sessão interrompida no dia 09/07 após pedido de vistas do desembargador Frederico Neves. Na pauta da Corte Especial um Agravo de Instrumento do Ministério Público que pede o afastamento do prefeito Lula Sampaio (PTB). Quando a votação foi paralisada o placar estava 8 votos a favor do pedido de afastamento e apenas 1 pela manutenção.

Expectativa II – O vereador Carlos Pracheles (PT) aguarda parecer da Justiça Eleitoral com relação a coligação majoritária do seu partido. No dia das convenções ele assinou ata coligando o Partido dos Trabalhadores junto com o PTB do então candidato Lula Sampaio. Com a desistência do petebista, Pracheles entrou com um processo para retirar seu partido da coligação e apoiar a coligação do candidato Alexandre Arraes (PSB).

Participe da discussão

1 comentário

  1. GOSTARIA DE SABER SE O TJ NÃO VAI SE PRONUNCIAR SOBRE A POLUIÇÃO SONORA QUE ESTÁ SENDO PROVOCADA EM ARARIPINA DEVIDO ESSES CARROS COM SOM MUITO ALTO O DIA TODO FAZENDO PROPAGANDA ELEITORAL.
    ERRADO ISSO!!!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.