Mercado Imobiliário Cearense ainda pode crescer

postado em: Dicas do site | 0

Ao contrário do que se pensava, o Ceará tem apresentado um crescimento exponencial, impulsionado pela expansão dos créditos imobiliários e, segundo especialistas, o mercado não está saturado, principalmente quando se diz respeito ao interior do estado.

O setor imobiliário tem sido alvo de muita procura no estado, principalmente pelo maior acesso ao crédito imobiliário, demanda reprimida, juros menores entre outros fatores atenuantes. A melhoria no salário dos investidores também tem sido um fator a ser levado em consideração, visto que estes deixaram de alugar para comprar novos empreendimentos.

O então crescimento de cursos superiores na região tem atraído estudantes de várias partes do país para o estado e estes pode se tornar futuros investidores além de impulsionar a locação. Para isso, incorporadoras e imobiliárias estão investindo para que a demanda seja suprida, levando também em consideração o turismo religioso e outros imóveis que podem, por ventura, serem alugados em temporada, corroborando para o desenvolvimento econômico do estado.

O pais inteiro passa por uma crise econômica. O Ceará, em contrapartida, apresenta boas expectativas em comparação. Essa desaceleração favorece o poder de compra do investidor, que pode encontrar vantagens na hora de barganhar por um imóvel, aponta estudos do portal da Agente Imóvel.

Só no ano passado, mais de 60 empreendimentos imobiliários foram lançados no estado; este número representa cerca de 8 mil novas unidades, sem contar os empreendimentos feitos pelo projeto Minha Casa Minha Vida que representam um rendimento de aproximadamente R$ 5 bilhões.

A alta também do preço dos imóveis acompanhou este panorama, onde o valor médio no ano de 2014 chegou a valer R$ 5.523, representando um aumento de 8% em relação ao ano anterior. Estudos ainda afirmam que para o ano de 2016 o cenário se mostra otimista, principalmente para os bairros mais nobres da região e os que receberam uma melhoria em sua infraestrutura, o que pode propiciar um aumento ainda maior no valor do metro quadrado, podendo chegar a valer R$ 12 mil.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.