O sonho durou poucas horas pra muitos contemplados pelo Programa Minha Casa Minha Vida, da Caixa Econômica Federal. A tão sonhada casa própria que alegrou muitos nos últimos dias tornou-se irreal nas últimas horas. É isso mesmo que você está lendo! A Caixa Econômica Federal CANCELOU o sorteio realizado na última segunda-feira em virtude de erros técnicos no sistema de sorteio.

Foi-nos repassado o seguinte caso: existe uma lista de prioridade entretanto, entre os ditos prioritários, e haviam documentos com rasuras, o que impossibilitou o andamento do processo. Então o que aconteceu? A Secretaria de Ação Social contatou os membros dessa lista de prioridade, pegou os novos documentos e enviou ao Recife, além de já haver agendado a visita com os contemplados e com o engenheiro responsável para a vistoria das residências a serem entregues. Nesse meio tempo, uma equipe de Técnicos da Caixa chegou para realizar o sorteio e não tinha conhecimento do fato acima citado, criando então esse desentendimento. Assim, a Caixa cancelou o sorteio e irá realizar novo sorteio a data ainda a ser confirmada.

Programa-Minha-Casa-Minha-Vida
Sonho da Casa Própria volta a ser Sonho em Araripina. Reprodução: Imagem da Internet

Assim, você que foi contemplado deve ficar alerta e atento as datas que se realizará novo sorteio e torcer para outra vez ser contemplado e ficar ciente de que a Caixa é responsável apenas pela análise de crédito (realização de pesquisa no SPC e SERASA) pela preocupação do retorno como investimento há longo prazo e que a Prefeitura é quem define a lista de prioridade para ser beneficiado.

No link, nota oficial da Caixa Econômica dando maiores detalhes do ocorrido… Nota Caixa

Abaixo, o número da ouvidoria especializada da Caixa para casos sobre o Minha Casa Minha Vida.

0800-721-6268.

É, meu caro leitor, com o perdão da expressão, mas é a melhor que se encaixa nessa situação Alegria de pobre dura pouco!

Participe da discussão

1 comentário

  1. oorque toda as vezes vem as coisas para quem já tem e não vem para quem precisa?porque?

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.