Mural

Democrático como a Internet.[dwqa-list-questions]

Participe da discussão

7 comentários

  1. JOSIAS GUIMARÃES DOS SANTOS, por onde anda? Seus filhos estão aflitos sem saber de seu paradeiro, por favor nos mande noticias.

  2. OH TURMA DO QUARENTA, VOCÊS SÃO DESELEGANTES COM OS NASCENTESES, E DOUTOR VOU PRECISAR DE AUDIOMERIA PRA ME AVALIAR AMANHÃ.
    Nascente 29 de setembro de 2012, a turma do quarenta cujo lema diz: “ter amor por Araripina” fecha a avenida central do distrito, pra realizar um comício. Até ai, tudo normal se não fosse com uma carreta com um som a uma frequência suficiente para que metade da futura cidade e então distrito inclusive as vizinhanças no raio de cinco quarteirões dali, não pudesse se quer conversar. Objetivo desta infâmia: Convencer alguém dessa cidade votar em Alexandre Arraes para prefeito. Se ele agora ele permite que seu grupo com o qual pretende governar, tire das pessoas o direito de ir e vir fechando a principal via de acesso do distrito e ainda detona nossos tímpanos, então ”ELE JÁ PERDEU MINHA ADMIRAÇÃO E MEU VOTO E O DE TODOS O QUANTO EU PODER DIZER que DEMOCRACIA NÃO É ALGO A SER IMPOSTO E SIM LIVRE” a ser conquistado. Por amor ninguém grita, porque o único bicho QUE obedece a gritos pode até ser o melhor amigo do homem, mas gente, não somos cachorro.
    É APENAS UM CUSCUZ E FAZ ISSO. ASSUSTA-ME PENSAR O QUE PODE VIR DE TORMENTO A QUANDO FOR A VEZ DO MACACO, AMANHÃ DIA 30 DE SETEMBRO.

  3. Um filho a cada falha
    Existem alguns problemas que são mesmo de difícil solução. Destes, alguns têm explicações plausíveis, outros, só a complexidade humana é capaz de explicar. Um desses problemas eternos é o nascimento de filhos de forma desordenada sejam de solteiros, amasiados ou casados.
    Existem microrregiões em que alguns homens se tornam reconhecidos pela quantidade de filhos que despejam no mundo, verdadeiros reprodutores, como se autodenominam, criados geralmente pelos avós maternos. Muitos são admirados e imitados. Nessa situação em particular, o problema seria bastante minimizado se o Ministério Público, pelos promotores, tomasse consciência do seu papel e processasse a todos, por maus-tratos ou abandono de incapazes, nos casos mais graves, e os demais pela concessão de pensão alimentícia.
    Muitos pais não dão formação social aos filhos suficiente para fazerem a opção de ter filhos planejados, seja do ponto de vista da renda suficiente para alimentá-los, para adquirir moradia confortável ou obter formação educacional. Em alguns ambientes familiares existem mesmo é uma conivência e permissividade. Nos grupos há uma valoração distorcida. Como regra as amigas realizam um chá de bebê, o incentivo necessário à gravidez de jovens e a visão de que a questão material estaria resolvida. Depois, sofrem crianças, pais, avós e todos que tenham um relativo senso social.
    São diversos argumentos a justificar o número de filhos acima das possibilidades mínimas de cuidados, independente de ser um, serem dois ou mais. Toda vez que se pratica um ato sexual capaz de engravidar, deve-se ter a noção exata que a falta de prevenção trará uma gravidez naturalmente.
    Todas as igrejas, os sindicatos, as ONGs, os governos e familiares deveriam informar aos jovens com clareza absoluta dos riscos da gravidez, e cobrar responsabilidade total dos seus pupilos, de forma incisiva, quando arrumassem filhos. Nada de passar a mão na cabeça; nada de dar moleza; nada de assumir o lugar de quem os fez. O adágio “quem pariu Mateus, balance”, tem que ser levado ao pé da letra. Ministério Público e Justiça têm que atuarem em defesa do bem-estar das crianças e penalizar os pais que as abandonassem ou não cuidassem devidamente, para respaldar o princípio básico de toda pena, que é servir de exemplo.
    Todos os pontos aqui abordados servem para mulheres e homens. Jamais se deve diminuir a responsabilidade deles ou referendar o machismo pela quantidade de filhos. Essa posição vai além da tolice, traz consequências sociais graves para todos. Enquanto os pais irresponsáveis não forem para cadeia por deixar filhos abandonados pelo mundo, infelizmente, a sociedade ainda vai presenciar pessoas fazendo filhos por divertimento ou por afirmação sexual. As desculpas da falha do remédio ou do rasgão da camisinha não colam mais nos dias atuais. Já existe a pílula do dia seguinte.
    Facilitar o acesso à cultura, à prática de esporte, ao artesanato, à música, mostra um lado bom da vida que não substitui a necessidade de procriar. Mas a consciência sobre a necessidade de cuidar dos filhos é o vetor preponderante para acabar de vez com a fabricação de filho como se fosse produção numa indústria. Colocar filho no mundo deveria ser encarada por todos com muita seriedade.

    Pedro Cardoso da Costa – Interlagos/SP
    Bacharel em direito

    TODO TEXTO MEU PODE SER PUBLICADO, CRITICADO, COMENTADO E REPASSADO.
    Favor fornecer email para sugestão de pauta diretamente.

  4. olá pessoal de arraripina o meu avÔ esta procurando seus familiares, há muito tempo ele não tem noticia de sua familia que é dai de arraripina o { o nome dele é minguel ferreira lima } eu não tenho muitas informações de sua familia mais lenbro que ele tinha uma irmã por nome de { sebastiana } por favor querm se interesar em me ajudar entre em meu face boock e deixe noticias meu nome é {cleberson ramos { sou de birigui são paulo

  5. Boa tarde.
    Faz mais de quinze dias que a Rua João Ricardo Arraes no bairro centro (próximo à rodoviária) está sem água e o mais interessante é que a conta chega todo santo dia e nós que pagamos nossos impostos temos que ser submetido a esse tipo de tratamento. Sou consciente que não podemos fazer mais nada para solucionar o problema, pois se fosse geral todos nós compreenderíamos, porém existem ruas (bairros) que todo santo dia tem água então porque a COMPESA e o gerente junto com os atendentes tem a cara de pau de dizer que o problema é na tubulação X ou que não tem água, ou que aconteceu um imprevisto e já está sendo solucionado! Pessoal pela morde DEUS não somos crianças e esse tipo de problema não é de agora, sofremos com isso a vários, vários e vários meses e estamos cansados de sermos tratados como bichos sempre sujeito a boa vontade dos administradores dos órgãos públicos só que isso não significa que vocês prestam serviços de graça, muitos pelo contrário vocês são pagos para atender a comunidade e não maltratá-la. Falta água, saneamento, calçamento falta respeito e dignidade na cidade que se diz princesinha do sertão. Aí eu pergunto que princesinha é essa???
    …”Alguns já foram em busca de terras melhores e muitos a cada dia são instigados a irem para novas terras”.

    1. Apoiado,hoje mesmo escrevi meu protesto no face,é insuportável esta situação de pouco descaso da Compesa,duvido que se as contas de água não fosse baseadas em taxas e fosse em consumo como é o caso da energia,tenho certeza que eles já teriam agido.Agora se não consumimos pagamos da mesma forma só contribui pra ser como é e continuar como está.

  6. Ola eu abaixei todos os link qui doz q dar rosquinha mais quando ele termina de abaxar pede atualizaçao e depois diz q n tem net e n abre alguem ai tem o site q pode mim dar pra mim pode tenta baixa pra ganha rosquinha grates fico grato por isso

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.