Softagon Sistemas em Araripina


Instituições representativas de diversos setores produtivos estão unidas em uma campanha social para a instalação de 40 leitos dentro do Hospital e Maternidade Santa Maria, na cidade de Araripina, para o tratamento dos pacientes que vierem a apresentar sintomas do novo coronavírus (Covid-19). Filantrópico, o hospital é a principal emergência não somente da região do Araripe de Pernambuco como também de cidades dos estados do Piauí e Ceará.

A iniciativa tem o apoio e articulação do Sindicato das Indústrias de Gesso de Pernambuco – Sindusgesso, além da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – FIEPE, SEBRAE e o grupo Líder do Araripe, Conselho Regional de Engenharia e Agronomia de Pernambuco – Crea-PE, Conselho Regional de Contabilidade de Pernambuco – CRC-PE e Câmara de Dirigentes Lojistas de Araripina – CDL. Juntas, estas entidades representam os principais segmentos produtivos e associativos da região do Araripe e esperam sensibilizar a sociedade para a urgência da instalação dos leitos no hospital.

Para que os leitos de UTI e a ala de atendimentos funcionem, é necessário a aquisição de equipamentos como RX portátil digital, monitores com capnografia, eletrocardiograma, ultrassom portátil, camas e beliche, frigobar, armários, colchões e birôs. O total para a compra destes equipamentos é de R$ 723 mil e as doações podem ser feitas através das contas bancárias do hospital ou com os representantes das instituições na região do Araripe.

O Hospital e Maternidade Santa Maria é mantido pelo Instituto Medianeiras da Paz e foi fundando em 1967. Ao longo destes anos, o hospital é a principal referência em média e alta complexidade numa região com mais de 400 mil habitantes. Recentemente, recebeu autorização do Ministério da Saúde para a abertura de dez leitos de UTI que, em breve, estarão salvando vidas, especialmente durante a pandemia do novo coronavirus. Seja solidário. Participe!



Fonte

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: