Dança das cadeiras

Mais uma vez a dança das cadeiras volta a rodar em Araripina, interior de Pernambuco. Desta vez quem solicitou sua demissão foi a ex-presidente da AEDA a advogada Drª Gabriela Reis Feitosa Batista.

Essa informação já era aguardada por nós que sabíamos do acontecido a alguns dias, mas não podíamos divulgar por questões óbvias. Em nota a ex-presidente fala por que tomou tal decisão.

Segue nota de esclarecimento:

“No dia 17 de janeiro de 2014, decidi entregar o cargo de Diretora-Presidente da Autarquia Educacional do Araripe – AEDA, em razão das dificuldades financeiras de grande vulto da referida autarquia que se arrastam há vários anos, principalmente quanto ao Instituto Nacional de Seguro Social – INSS e ao ARARIPREV, não tendo como me responsabilizar pelas dívidas contraídas por gestores anteriores, podendo implicar em processos judiciais contra a pessoa do atual administrador, não sendo compatível com a minha profissão de advogada e com a função que ora exerço de Presidente da OAB Subseção de Araripina.

Ressalte-se, que a gravidade dos problemas a serem enfrentados pela direção da AEDA importa em dedicação exclusiva, que não posso ter em razão do exercício da minha profissão, colocando-me a disposição para prestar contas do curto período em que atuei como ordenadora de despesas daquela instituição.

Porém não poderia sair sem deixar de agradecer ao Exmo. Sr. Prefeito de Araripina, Alexandre Arraes, por ter me honrado com o cargo de Diretora-Presidente de tão importante autarquia de ensino superior, que há 38 anos vem contribuindo com a formação de profissionais altamente qualificados para atuarem no mercado de trabalho.

E ainda, agradeço a colaboração e a confiança em mim depositada pelos alunos, professores e funcionários da AEDA, deixando registrada minha admiração e respeito por todos”.

                                                         Gabriela Reis Feitosa Batista

Fica agora a pergunta: Quem assumirá a AEDA?
Já se comenta nos bastidores que chegou a hora e a vez de D. Cleide Gualter assumir, pois além de ter sido gestora da GRE por um longo período até ser demitida em 2013, ela também é parente do atual prefeito de Araripina, o Sr. Alexandre Arraes.
O grande dilema da AEDA é o mesmo décadas. As contas nunca batem com o caixa, mas de onde poderá ter surgido esse grave problema? Cabe a resposta somente aos que já foram gestores da instituição que deveriam serem convocados e saber de quando teve início essa enorme dívida com o INSS e o ARARIPREV, pois nem mesmo o salário de funcionários é pago em dias como é o caso dos aposentados que pelo que foi apurado ainda não receberam e também os contratados que vivem a mesma situação.

Publicado por Cidade de Araripina Pernambuco

Sobre

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: