Os empresários que compõem o Conselho Empresarial da Unidade Regional Sertão do Araripe da Federação das Indústrias do Estado de Pernambuco – FIEPE realizaram, na tarde de ontem (08), a reunião mensal na cidade de Araripina, sertão de Pernambuco, com a presença do Diretor Financeiro da FIEPE, Felipe Coelho.

Está foi a terceira vez que o conselho reuniu-se desde a inauguração da unidade regional em abril deste ano. Nas outras oportunidades foram debatidos temas como as fontes alternativas de energia através de placas solares ou gasoduto. Os encontros mensais do conselho reúnem empresários de oito das dez cidades do Araripe que atuam em setores industriais diversos como gesso, têxtil, construção civil, panificação, metal-mecânica e outros.

Com a presença da diretora da Unidade Regional Sertão do Araripe, Ceissa Costa, o Diretor Financeiro da FIEPE, Felipe Coelho e o Gerente do Núcleo de Planejamento, Gestão e Tecnologia, Israel Erlich, explanaram sobre o cenário macroeconômico do Brasil e os desafios que o setor industrial enfrenta atualmente com a alta do dólar, aumento das tarifas de energia elétrica e impostos, queda no superávit, aumento da inflação e desemprego.

Felipe Coelho afirma que mesmo o cenário atual estando adverso, as ações da FIEPE estão na contramão deste momento desfavorável. Ele destacou que a união, através do associativismo, é essencial para vencer este momento. “A missão da FIEPE é tornar a indústria pernambucana cada dia mais competitiva e para isto acontecer devemos estar unidos em busca de solucionar os entraves que são semelhantes de ponta a ponta do Estado”.

Durante a reunião os participantes formaram grupos de discussão para apontar as oportunidades e ameaças de seus setores industriais e após isto, o Gerente do Núcleo de Planejamento, Gestão e Tecnologia, Israel Erlich, mediou o debate entre os grupos. “Todas as opiniões e sugestões serão analisadas pela diretoria da unidade regional e em seguida pela diretoria da FIEPE e com isto vamos transformar em estratégias e ações para o ano de 2016. O planejamento é feito com base nas discussões que acontecem dentro das regionais”, disse.

A empresária do setor de calcinação de gesso, Ludmila Botelho, da Construcil, reforçou que em apenas três reuniões o conselho empresarial abordou temas importantes e que a chegada da FIEPE ao Araripe tem despertado o interesse dos empresários em estarem mais próximos. “É uma mudança de cultura que com o passar do tempo vamos verificar os resultados positivos. A FIEPE tem ajudado a criar no empresário da região o sentimento de união”, disse.

Ascom – FIEPE

Publicado por Dyangellys Batista

Bibliotecário, Gamer, Geek e Baixinho!

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: