Caravana da Cidadania busca implantar Conselhos do Idoso em todos os municípios

Os direitos da pessoa idosa estão no centro do projeto Caravana da Cidadania, que o Ministério Público de Pernambuco (MPPE) inicia nesta quarta-feira (20) em Gravatá. Vencedor do prêmio Talentos da Terceira Idade, patrocinado pelo Banco Real, o projeto tem o objetivo de fomentar a implantação e fortalecimento dos conselhos dos idosos nos municípios. Atualmente, apenas 40 dos 184 municípios pernambucanos contam com o órgão, que é o responsável por acompanhar a elaboração e execução de políticas públicas voltadas à garantia dos direitos da população acima dos 60 anos.

 A abertura do evento acontece às 18h no auditório da Promotoria de Justiça de Gravatá, com presença de promotores de Justiça, prefeitos, secretários de Assistência Social e conselheiros do idoso das oito comarcas que compõem a 12ª Circunscrição: Bonito, Chã Grande, Glória do Goitá, Gravatá, Moreno, São Joaquim do Monte, Vitória de Santo Antão e Pombos. Na noite de abertura, haverá palestra de Edusa Pereira, ex-presidente do Conselho Estadual do Idoso e referência no assunto, além de representante da Controladoria Geral da União.

 A Caravana continua na quinta e sexta-feiras. Na quinta-feira, haverá palestras sobre as políticas Nacional e Estadual do Idoso, sobre controle social e participação, sobre a atuação do Ministério Público tanto criminal quanto na área de cidadania. Na sexta-feira haverá a pactuação de todos os participantes com o compromisso de implantar ou fortalecer o Conselho do Idoso em cada município.

 “Vamos definir o que a região precisa, estabelecer uma metodologia e quem fará o acompanhamento de cada atividade”, afirma a promotora de Justiça Yélena Monteiro, coordenadora do projeto, desenvolvido junto com o Centro de Apoio Operacional às Promotorias de Cidadania. De acordo com Yélena, a Caravana percorrerá mais nove municípios ainda este semestre, abrangendo todas as regiões do Estado. “No segundo semestre, vamos voltar a todos estes locais para rediscutir o que já foi feito e o que precisa ser ajustado. É essencial ter esse feedback”, completou.

Como vencedor da categoria Programas Exemplares do Concurso Talentos da Terceira Idade, o projeto Caravana da Cidadania recebeu R$ 100 mil para investir neste trabalho.

Mais informações: promotora Yélena Monteiro – 9959.1101

Deixe um comentário

O que você achou disto?

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

%d blogueiros gostam disto: