Como sabemos, durante a campanha de 2012, o então candidato 
Alexandre Arraes passou todo tempo suportando ataques pessoais, 
ofensas de toda ordem e desrespeito, que em nada contribuíam para 
o debate e a busca de soluções para nosso município.
 
O tempo passou, mas as práticas do adversário parece não melhorar, 
insiste no jogo sujo, na poluição, em desmanchar o que está sendo feito, 
em negar a construção de um novo tempo em que se busca ações limpas
 e gestão transparente. Mais fácil é tentar vendar os olhos do povo, é 
jogar lama no ventilador, um jeito grosseiro e antigo que a nossa cidade já 
não admite.
 
Semana da mulher, uma data especial, 8 de março, de reconhecimento 
pelas lutas por direitos iguais. Roberta Arraes, primeira dama de Araripina 
que também é presidente do PSB(40), quis prestar a sua homenagem as 
mulheres do sertão e assim fez. Uma mensagem que enaltece a força destas 
mulheres que igual a ela lutam para oferecer dias melhores aos seus filhos.
 
A turma da sujeira entrou em ação e mais uma vez a falta de sensibilidade, 
de educação e de respeito volta à cena: observem a foto deste cartaz 
publicitário e vejam o que fizeram para estragar. 
 
Vandalismo, inveja, desequilíbrio o que demonstra que em Araripina os dois 
lados políticos  tem jeitos bem definidos: De um lado a gestão do prefeito 
Alexandre Arraes  com a sua luta para fazer, para desenvolver o município 
com uma cultura de  limpeza e respeito, do outro lado, liderado por alguém
 que devia dar exemplo, o que temos é o verso desta moeda: práticas ultrapassadas 
e incentivo para a desordem, ainda bem que o povo de Araripina, respeitoso na
 sua natureza rejeita essa sujeira.
 

Publicado por Cidade de Araripina Pernambuco

Sobre

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.