Projeto de lei pede transparência em festas feitas com dinheiro público

Festas são um recurso fartamente utilizado pelos gestores públicos desde a Roma antiga, quando se utilizava largamente a política de panes et circenses – prover comida e diversão ao povo com o objetivo de diminuir a insatisfação popular pelos governantes.

No Brasil tornou-se rotina torrar dinheiro público em festas sem se preocupar com quanto custem. E nem com o fato de que são pagas pelos impostos dos contribuintes, nós, que nunca somos consultados sobre como tais recursos deveriam ser aplicados.

Foi aprovado na ultima quarta-feira (18/05), na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), o projeto de lei que regulamenta a colocação de placas informativas em shows realizados com dinheiro público no Estado. A iniciativa é do deputado Rodrigo Novaes (PSD).

“Agora será obrigatória a exposição das informações sobre os valores dos gastos em atrações e equipamentos nos eventos realizados nos municípios. Considero um grande avanço. Os gestores terão mais consciência com este tipo de despesa”, comentou o parlamentar.

 

Deixe uma resposta