O fenômeno Armando Monteiro

Caiu como uma bomba no ninho socialista o resultado da pesquisa Datafolha divulgada nesta quinta-feira (20) onde apontou um crescimento vertiginoso de Armando Monteiro (PTB) na disputa pelo Governo do Estado.

Até o início da semana a expectativa entre os apoiadores de Paulo Câmara era que a distância entre Armando ampliasse com a divulgação dos novos levantamentos, no entanto o que se viu foi totalmente o oposto. Enquanto o candidato socialista apresentou estagnação nas pesquisas, o petebista mostrou um desempenho de crescimento.

Entre os principais motivos deste crescimento do candidato da Oposição está a nova estratégia adotada pela sua equipe nas redes sociais e guias na televisão. Ao invés entrar no jogo do PSB, que tenta a todo custo nacionalizar a disputa, Armando preferiu discutir Pernambuco.  Com o novo slogan “Se não mudar, fica tudo como está”, o petebista endureceu as criticas aos problemas enfrentados pelo estado nas áreas de segurança, saúde, desemprego e conservação das estradas, algo que parece ter entrado no gosto do eleitor que com a proximidade do dia da eleição parece que passou a valorizar mais os candidatos que apresentam propostas.

Por falar em propostas, Armando entrou na graça de proprietários de motos ao prometer isentar de IPVA motocicletas de até 150 cilindradas, além de dividir impostos e multas atrasadas. Para aqueles que possuem motos com placa vermelha, esta isenção sobe para as motocicletas que possuem até 180 cilindradas.

O que se constata é que Armando já conseguiu se consolidar no interior do estado, principalmente nas regiões do Agreste e Sertão, onde já leva vantagem em relação a Paulo. Na Zona da Mata, região onde o PSB sempre obteve um bom desempenho nas eleições, Armando tem recebido adesões importantes, algo que sem dúvida ajudará a diminuir a diferença em relação ao candidato socialista por lá. Quanto a Região Metropolitana, o voto está sendo disputado palmo a palmo, no entanto, diferente da eleição passada, quando tinha apenas o apoio de um prefeito, Armando agora conta com 7. No Recife, maior colégio eleitoral do Estado, o petebista já tem ao seu lado um número expressivo de vereadores, suplentes e lideranças comunitárias, além da ajuda de uma equipe de coordenadores bastante empenhada e competente.

Da forma como vem crescendo, não será surpresa alguma Armando superar Paulo Câmara nas próximas pesquisas e terminar o primeiro turno na frente. Daí, para uma vitória no segundo turno é um pulo.

Deixe uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.