Faculdade de Medicina em Araripina: realidade ou utopia?

No dia 12 de maio, em um discurso o ex – ministro Aluízio Mercadante, chancelou a cidade de Araripina, apta para receber a Faculdade de Medicina.

Alguns blogs da cidade afirmaram que a “Faculdade de Medicina em Araripina é realidade”, no entanto, algumas pessoas dizem que não passa de utopia.

No ano passado, 2015, O Governo Federal selecionou 22 cidades onde serão criados 22 novos cursos de medicina no Brasil. Em Pernambuco, os municípios de Araripina, Arcoverde e Salgueiro (todos no Sertão do Estado) “receberão” as novas unidades de ensino do curso.

As prefeituras teriam o prazo entre os dias 13 e 24 de abril, do ano passado, para confirmar a participação no site do ministério da Educação.

A ampliação do número de cursos de medicina ofertados pelo governo federal fazia (digo fazia porque na época Dilma era presidente do país) parte de uma estratégia do Programa Mais Médicos. A abertura de novos centros de formação acontecerá nas localidades onde há defasagem no número de profissionais da área de saúde.

“Várias visitas técnicas foram feitas à cidade de Araripina pelo Ministério de Educação e Cultura (MEC), e todas as etapas foram atendidas com total apoio da prefeitura”, é o que alguns blogs dizem, como também da luta pela realização.

Procuramos a Prefeitura Municipal de Araripina para saber de detalhes mais consistentes a respeito da tão sonhada “Faculdade de Medicina”, mas não obtivemos exito. Um funcionário da prefeitura nos informou que (segundo comentários) com essa mudança de ministro, as respostas para as perguntas só virão no mês de julho, e que as “papeladas” das cidades estão sendo revisadas.

Deixe uma resposta